O que é o guaraná?

O nome "guaraná" refere-se tanto à planta quanto ao fruto vermelho que ela produz. O fruto do guaraná é uma cápsula vermelha que contém uma ou duas sementes envoltas em uma polpa branca. As sementes são o principal componente usado na produção de produtos à base de guaraná, como refrigerantes, xaropes, pós e cápsulas.

Conhecido cientificamente como Paullinia cupana, na cultura indígena é chamado de “uaraná” ou “uaraná-timbó”. Considerado uma planta sagrada para os povos originários, o guaraná frequentemente é utilizado em rituais cerimoniais, como fonte de energia durante longas jornadas de caça e como remédio natural para tratar uma variedade de doenças, incluindo dores de cabeça, febres e problemas digestivos.

Qual é a importância do Guaraná como Superfood?

O guaraná é conhecido por sua riqueza em cafeína, o estimulante natural mais amado do mundo. O que muitos não sabem é que essa planta também contém outros compostos que contribuem para uma energia duradoura. A combinação única de nutrientes é encontrada nas sementes do guaraná, que são transformadas em pó, ampliando seu uso em uma variedade de produtos, desde bebidas energéticas até receitas culinárias. O cultivo em sistema de agrofloresta contribui para a regeneração de ecossistemas importantes para a região e os povos que lá vivem em comunhão com os ciclos da floresta.

Quais são os benefícios nutricionais do guaraná?

O guaraná é conhecido por diversos benefícios nutricionais, principalmente devido aos compostos bioativos presentes em suas sementes. Entre os benefícios nutricionais mais importantes do guaraná, destacamos:

1. Estimula o desempenho cognitivo: melhora a concentração, memória, o estado de alerta, tempo de reação e o nível de energia e produtividade do cérebro.

2. Função antioxidante: combate os danos causados pela ação dos radicais livres no corpo, como o envelhecimento precoce das células.

3. Propriedades anti-inflamatórias: estudos sugerem que pode ajudar a reduzir a inflamação no corpo e diminuir o risco de doenças crônicas, como artrite e doenças cardiovasculares.

4. Efeito termogênico: a cafeína e outros compostos presentes no guaraná podem aumentar o metabolismo e ajudar na queima de gordura. 

5. Potencial para melhorar o desempenho físico: aumenta a energia corporal e favorece sua manutenção por algum tempo, contribuindo para o desempenho esportivo e a produtividade.

É importante notar que, embora o guaraná possa oferecer uma série de benefícios nutricionais e para a saúde, seu consumo deve ser moderado, especialmente para pessoas sensíveis à cafeína ou que tenham condições médicas que possam ser agravadas pelo consumo excessivo de cafeína. Sempre consulte um profissional de saúde antes de adicionar qualquer suplemento à sua dieta.

  • Quais são os ativos estimulantes presentes no guaraná?

    O guaraná é uma das fontes naturais mais ricas em cafeína, um estimulante natural que pode melhorar a concentração, a energia e o estado de alerta. Ela também pode aumentar temporariamente o metabolismo e melhorar o desempenho físico. Além da cafeína, o guaraná contém teobromina e teofilina, que também têm propriedades estimulantes e podem contribuir para os efeitos energizantes do guaraná.

  • Quais são os Antioxidantes presentes no guaraná?

    O guaraná contém uma variedade de antioxidantes, incluindo catequinas, epicatequinas e proantocianidinas.  Os antioxidantes ajudam a combater os danos causados pelos radicais livres no corpo, protegendo as células e reduzindo o risco de doenças crônicas, como doenças cardíacas e câncer.

  • Quais são as Vitaminas e Minerais encontrados no guaraná?

    O guaraná também contém pequenas quantidades de vitaminas e minerais essenciais, incluindo vitamina C, vitamina E, vitaminas do complexo B (como niacina, riboflavina e tiamina) e minerais como potássio, cálcio, fósforo e magnésio. Embora esses nutrientes estejam presentes em quantidades relativamente baixas, eles ainda contribuem para a saúde geral do organismo.

  • Como incorporar o guaraná na sua dieta?

    O guaraná está disponível para consumo de várias formas, dependendo das preferências individuais e das necessidades de cada pessoa. Siga sempre as instruções de dosagem recomendadas pelo fabricante ou seu médico ao adicionar guaraná em pó às suas receitas. Lembre-se de que o excesso no seu consumo pode levar a efeitos colaterais indesejados devido ao alto teor de cafeína. As formas mais comuns de consumo de guaraná são:

    GUARANÁ ENGORDA?

    Consumir guaraná na sua forma natural (em pó, xarope, extrato ou suplementos) não engorda. Pelo contrário, pode auxiliar no emagrecimento devido à sua alta concentração de cafeína, que tem propriedades termogênicas e a presença de ativos que ajudam na promoção da saciedade. A cafeína temporariamente reduz a sensação de fome e estimula o metabolismo, promovendo a queima de gordura corporal. No entanto, é importante consultar um profissional de saúde antes de incluir o guaraná na dieta, especialmente se houver condições médicas pré-existentes ou uso de outros medicamentos. Já o guaraná vendido na forma de refrigerante, além de não ter benefícios nutricionais, engorda porque é riquíssimo em açúcares.

    Guaraná e Sustentabilidade

    Tradicionalmente, os povos indígenas moíam as sementes de guaraná e as misturavam com água para formar uma pasta, que era então moldada em pequenas bolas e secas ao sol. Essas bolas eram depois raladas em água para produzir uma bebida estimulante conhecida como "guaraná em pó". 

    O guaraná da Mahta é originário de Maués, o principal município produtor, conhecido pela excelente qualidade do seu guaraná. Em Maués, o fruto passa por um processo artesanal e tradicional realizado pela etnia dos Sateré-Mawé que produzem o bastão de guaraná, a forma original de consumo dos povos tradicionais, que ralam o bastão de guaraná em uma pedra ou na língua seca do pirarucu. 

    Feito a partir da massa do guaraná umedecida e socada que fica 10 dias secando, o bastão é vendido para o consumidor, que vai ralando o produto aos poucos, mantendo assim seu aroma, sabor e propriedades nutritivas e funcionais no máximo e por mais tempo. 

    O Guaraná de Maués é reconhecido por sua alta qualidade e sabor excepcional. As condições climáticas e do solo da região contribuem para o cultivo de guaraná com propriedades sensoriais distintas, tornando-o altamente valorizado pelos consumidores.

    O impacto da exploração do guaraná pela indústria de massa


    Apesar de sua popularidade, a indústria do Guaraná enfrenta desafios significativos. O uso excessivo em refrigerantes e bebidas energéticas têm levado a preocupações com saúde, especialmente em relação aos níveis de cafeína. Além disso, a concorrência com outros produtos energéticos artificiais e a falta de regulamentação podem prejudicar a reputação e a sustentabilidade do Guaraná.

    Para garantir um futuro sustentável para o Guaraná e as comunidades indígenas da Amazônia, é essencial abordar esses desafios com responsabilidade e cuidado. Isso inclui promover práticas agrícolas sustentáveis, proteger a biodiversidade da região e apoiar iniciativas que valorizem a cultura e o conhecimento tradicional dos povos amazônicos. Somente assim poderemos preservar a riqueza do Guaraná e garantir sua contribuição contínua para o bem-estar humano e o equilíbrio ambiental.

    O impacto do guaraná de Maués na floresta Amazônica

    O Guaraná de Maués é especialmente importante por causa de suas características únicas e sua conexão cultural com a região onde é produzido. Maués é uma cidade localizada no estado do Amazonas conhecida como a "Terra do Guaraná". Aqui estão algumas razões pelas quais o Guaraná de Maués é considerado importante:


    Tradição Cultural: A produção de guaraná em Maués é parte integrante da cultura local. A planta de guaraná e seus produtos derivados desempenham um papel significativo nas tradições, práticas religiosas e culinárias da região, enraizando-se profundamente na identidade cultural do povo de Maués.

    Economia Local: A produção de Guaraná de Maués é uma importante fonte de subsistência para muitos habitantes locais. O cultivo, colheita e processamento do guaraná geram empregos e contribuem para a economia da região, proporcionando oportunidades de sustento para agricultores e suas famílias.

    Preservação Ambiental:
    O cultivo do Guaraná de Maués muitas vezes é feito de maneira sustentável, com práticas agrícolas que respeitam o meio ambiente. Muitos produtores locais adotam métodos de cultivo orgânico e agroflorestal, contribuindo para a conservação da biodiversidade e dos recursos naturais da Amazônia.

    Valor Cultural e Histórico: O Guaraná de Maués é um símbolo da diversidade biológica e cultural da região amazônica. Sua produção e consumo estão associados a uma rica herança histórica, que remonta aos povos indígenas que habitam a área há séculos. Preservar e promover o Guaraná de Maués é uma forma de proteger e valorizar essa herança cultural única.


    Portanto, o Guaraná de Maués é importante não apenas por suas qualidades sensoriais e nutricionais, mas também por sua contribuição para a economia local, a preservação ambiental e a preservação da rica herança cultural da região amazônica.

    Exatamente por todas essas razões, que garantem sua qualidade e sabor único, que o Guaraná de Maués é o escolhido da Mahta.

    O papel de empresas como a MAHTA na promoção da produção sustentável de Guaraná

    Uma das maneiras que encontramos de promover a sustentabilidade na produção dos ingredientes em nossos produtos, é o Sistema Regenerativo da Floresta (SRF), um modelo de impacto co-criado pela MAHTA, com especialistas, para nortear toda a nossa atuação.

    O SRF nos permite atuar, de forma inovadora e efetiva, sobre três grandes questões: o problema da nutrição, da justiça social e as urgências ambientais. É uma solução sistêmica que nos aproxima das novas descobertas científicas e dos conhecimentos ancestrais sobre saúde, modelos econômicos e a relação produtor-consumidor, com uma enorme harmonia entre homem e natureza, que promove uma boa saúde interna e externa.

    Com o Sistema Regenerativo da Floresta, a Mahta cria a possibilidade de um desenvolvimento econômico com regeneração social e ambiental.


    Uma visão geral sobre o guaraná

    Quando se trata de energia e sabor, poucos ingredientes são tão emblemáticos quanto o Guaraná. Originária da Amazônia, o fruto dessa planta tem conquistado paladares e ganhado destaque em bebidas e alimentos em todo o mundo. Conhecido por sua riqueza em cafeína, um estimulante natural mais amado do mundo. Mas o que muitos não sabem é que esta planta também contém teobromina e teofilina, outros compostos que contribuem para sua energia duradoura. Essa combinação única de nutrientes é encontrada nas sementes do guaraná, que são colhidas e transformadas em pó, ampliando seu uso em uma variedade de produtos, desde bebidas energéticas até receitas culinárias. Além de sua reputação como estimulante, o Guaraná é uma fonte natural de nutrientes essenciais e vitaminas do complexo B. Como parte da rica biodiversidade da Amazônia, o Guaraná também é um antioxidante poderoso, combatendo os radicais livres e promovendo a saúde celular. Garantir um futuro sustentável para o Guaraná e as comunidades indígenas da Amazônia requer abordar seu cultivo, processamento e comercialização com responsabilidade e cuidado. Isso inclui promover práticas agrícolas sustentáveis, proteger a biodiversidade da região e apoiar iniciativas que valorizem a cultura e o conhecimento tradicional dos povos amazônicos. Somente assim poderemos preservar a riqueza do Guaraná e garantir sua contribuição contínua para o bem-estar humano e o equilíbrio ambiental.

    Curiosidades sobre o Guaraná

    • "Fruta que vê"
      Etimologia

      Etimologia: De nome científico Paullinia cupana, na cultura indígena é chamado de “uaraná” ou “uaraná-timbó”, que em tupi guarani significa "fruta que vê ou observa", devido à semelhança dos frutos com olhos abertos. Já “timbó” significa “deixar tonto” e refere-se às propriedades alucinógenas do cipó e da raiz dessa planta.

    • Energia dos guerreiros

      O guaraná em pó é consumido para aumentar a resistência física e mental dos povos indígenas durante atividades extenuantes como a caça, rituais de passagem, celebrações longas, entre outras.

    • Culinária regional

      Adiciona um toque único a bolos, doces e até mesmo pratos salgados. Com seu sabor distintamente amazônico, o Guaraná é uma escolha popular para aqueles que buscam uma experiência gastronômica autêntica do Brasil.

    Produtos mahta com guaraná

    50% OFF
    Mahta Coffee - 220g
    50% OFF
    Mahta Coffee 220g -  CACAU